Presença mundial da ZF Aftermarket -

O seu parceiro, esteja onde estiver

Está aqui:

España / Portugal Español | Português

Neste momento encontra-se no site global da ZF Aftermarket. Nos sites locais encontra informações mais detalhadas sobre os vários mercados:

AFTERMARKET |

Está aqui:

España / Portugal Español | Português

Neste momento encontra-se no site global da ZF Aftermarket. Nos sites locais encontra informações mais detalhadas sobre os vários mercados:

worldmap

AFTERMARKET |

Procura informações corporativas da ZF Friedrichshafen AG?

Visite o nosso site corporativo


PORTUGAL

PORTUGAL

Todos os indicadores apontam para o crescimento
Potencial no segmento dos autocarros

A urbanização e o crescimento da população nos novos países industrializados estão na origem de um aumento contínuo do mercado global de autocarros de aproximadamente cinco por cento ao ano. Prevê-se que ao longo de 2017 entrem em circulação 600 000 novos autocarros em todo o mundo. Só a China representa cerca de 30 por cento da procura global, seguida da Índia com taxas de crescimento de 10 por cento. Mas também na Europa, em África e na América do Sul as frotas de autocarros estão a crescer (fonte: estudo multicliente “Buses – Global Market Trend” da SCI Verkehr).

Os desafios são semelhantes em todos os mercados: longos períodos de inatividade fazem com que qualquer frota de autocarros se torne pouco rentável e também devem ser evitados devido à pressão dos custos. A necessidade de uma entrega rápida de peças de reposição constitui um desafio para revendedores e parceiros de serviço, enquanto as oficinas são confrontadas com tecnologias cada vez mais complexas.

A urbanização e o crescimento da população nos novos países industrializados estão na origem de um aumento contínuo do mercado global de autocarros de aproximadamente cinco por cento ao ano. Prevê-se que ao longo de 2017 entrem em circulação 600 000 novos autocarros em todo o mundo. Só a China representa cerca de 30 por cento da procura global, seguida da Índia com taxas de crescimento de 10 por cento. Mas também na Europa, em África e na América do Sul as frotas de autocarros estão a crescer (fonte: estudo multicliente “Buses – Global Market Trend” da SCI Verkehr).

Os desafios são semelhantes em todos os mercados: longos períodos de inatividade fazem com que qualquer frota de autocarros se torne pouco rentável e também devem ser evitados devido à pressão dos custos. A necessidade de uma entrega rápida de peças de reposição constitui um desafio para revendedores e parceiros de serviço, enquanto as oficinas são confrontadas com tecnologias cada vez mais complexas.

Entrevista com um especialista da ZF Aftermarket

para o segmento dos autocarros

O Dr. Michael Störk, diretor de vendas Original Equipment Supplier (OES), segmento de produtos para veículos comerciais, é o especialista da ZF Aftermarket para o setor dos autocarros e, nessa qualidade, explica que serviços podem ser oferecidos para aproveitar eficientemente o potencial associado a estas frotas.

O Dr. Michael Störk, diretor de vendas Original Equipment Supplier (OES), segmento de produtos para veículos comerciais, é o especialista da ZF Aftermarket para o setor dos autocarros e, nessa qualidade, explica que serviços podem ser oferecidos para aproveitar eficientemente o potencial associado a estas frotas.

Entrevista com o Dr. Michael Störk

Pergunta: Dr. Störk, o mercado de autocarros interurbanos regista atualmente a um crescimento acelerado, não apenas na Europa. Em muitos dos novos países industrializados, os autocarros constituem o mais importante meio de transporte. O que significa isso para a ZF Aftermarket e os seus parceiros?

Dr. Michael Störk: Na Europa, o mercado de autocarros interurbanos está atualmente em ascensão. Em resultado disso, o número de viagens em autocarros interurbanos na Alemanha, por exemplo, cresceu 36 por cento no ano passado. Mesmo os grandes operadores tendem a não utilizar os seus próprios autocarros para efetuar a suas rotas, recorrendo para isso a empresas subcontratadas de pequena e média dimensão. Os preços dos bilhetes diminuíram cerca de 14 por cento no ano passado e, por isso, manter um controlo rigoroso dos custos é agora cada vez mais importante: uma manutenção regular, de preferência apoiada por dados de telemetria, reduz o risco de avarias inesperadas e dispendiosos períodos de imobilização para os operadores.

A ZF Aftermarket oferece aos seus clientes não só aplicações telemáticas adequadas, que permitem diagnósticos remotos numa base ad-hoc, como também está presente localmente com sistemas de diagnóstico. A nossa rede global ajuda-nos igualmente a assegurar um elevado grau de prontidão para a prestação de serviços. Isto é particularmente importante para autocarros interurbanos porque estes veículos percorrem normalmente mais de 300 000 quilómetros por ano e operam também internacionalmente. É por isso que oferecemos contratos de manutenção individualizados e com prazos de até 15 anos, permitindo às empresas de autocarros gerir os seus custos de forma eficiente.

Pergunta: Dr. Störk, o mercado de autocarros interurbanos regista atualmente a um crescimento acelerado, não apenas na Europa. Em muitos dos novos países industrializados, os autocarros constituem o mais importante meio de transporte. O que significa isso para a ZF Aftermarket e os seus parceiros?

Dr. Michael Störk: Na Europa, o mercado de autocarros interurbanos está atualmente em ascensão. Em resultado disso, o número de viagens em autocarros interurbanos na Alemanha, por exemplo, cresceu 36 por cento no ano passado. Mesmo os grandes operadores tendem a não utilizar os seus próprios autocarros para efetuar a suas rotas, recorrendo para isso a empresas subcontratadas de pequena e média dimensão. Os preços dos bilhetes diminuíram cerca de 14 por cento no ano passado e, por isso, manter um controlo rigoroso dos custos é agora cada vez mais importante: uma manutenção regular, de preferência apoiada por dados de telemetria, reduz o risco de avarias inesperadas e dispendiosos períodos de imobilização para os operadores.

A ZF Aftermarket oferece aos seus clientes não só aplicações telemáticas adequadas, que permitem diagnósticos remotos numa base ad-hoc, como também está presente localmente com sistemas de diagnóstico. A nossa rede global ajuda-nos igualmente a assegurar um elevado grau de prontidão para a prestação de serviços. Isto é particularmente importante para autocarros interurbanos porque estes veículos percorrem normalmente mais de 300 000 quilómetros por ano e operam também internacionalmente. É por isso que oferecemos contratos de manutenção individualizados e com prazos de até 15 anos, permitindo às empresas de autocarros gerir os seus custos de forma eficiente.

Pergunta: Isso também se aplica aos operadores de frotas de autocarros municipais?

Dr. Michael Störk: As frotas de autocarros municipais têm um perfil de utilização diferente dos autocarros interurbanos. Elas são operadas localmente e funcionam dentro de horários fixos. Contudo, cada vez mais operadores privados participam em concursos públicos de frotas municipais e, assim, também aqui a pressão dos custos é feroz. Para corresponder às expectativas de maior disponibilidade, as frotas municipais precisam de uma eficiência operacional superior a 95 por cento num futuro próximo. A manutenção preventiva e os sistemas de diagnóstico da ZF Aftermarket, bem como a rápida disponibilidade de peças de reposição através dos nossos parceiros de venda grossista e serviços, podem igualmente dar aqui uma grande ajuda. No caso de uma reparação, nós providenciamos apoio com o nosso know-how técnico sempre que as oficinas municipais não possuam os recursos para avançar com uma solução. Os nossos “médicos voadores” prestam assistência aos autocarros que precisam de uma reparação e colocam-nos novamente na estrada o mais depressa possível.

Pergunta: Isso também se aplica aos operadores de frotas de autocarros municipais?

Dr. Michael Störk: As frotas de autocarros municipais têm um perfil de utilização diferente dos autocarros interurbanos. Elas são operadas localmente e funcionam dentro de horários fixos. Contudo, cada vez mais operadores privados participam em concursos públicos de frotas municipais e, assim, também aqui a pressão dos custos é feroz. Para corresponder às expectativas de maior disponibilidade, as frotas municipais precisam de uma eficiência operacional superior a 95 por cento num futuro próximo. A manutenção preventiva e os sistemas de diagnóstico da ZF Aftermarket, bem como a rápida disponibilidade de peças de reposição através dos nossos parceiros de venda grossista e serviços, podem igualmente dar aqui uma grande ajuda. No caso de uma reparação, nós providenciamos apoio com o nosso know-how técnico sempre que as oficinas municipais não possuam os recursos para avançar com uma solução. Os nossos “médicos voadores” prestam assistência aos autocarros que precisam de uma reparação e colocam-nos novamente na estrada o mais depressa possível.

Pergunta: Que potenciais vê para os serviços no mercado dos autocarros?

Dr. Michael Störk: Por um lado, as áreas de foco nos novos países industrializados estão a mudar em resultado das grandes taxas de crescimento. A oferta de serviços em África tem de ser diferente da existente em Hong Kong porque o nível tecnológico dos veículos é muito diferente.

Do ponto de vista técnico, os sistemas de gestão de frotas também se estão a tornar cada vez mais importantes para as frotas de autocarros. O nosso sistema de telemática Openmatics pode ser utilizado em toda a gama de autocarros graças às sua interfaces abertas. Assim, mesmo uma frota composta por veículos diferentes pode utilizar o Openmatics sem qualquer tipo de limitação. Já existem frotas com mais de 4 000 autocarros a utilizar Openmatics: para calendarizar a utilização, reduzir o consumo de combustível e aumentar a segurança.

A “manutenção preventiva” está a tornar-se uma questão cada vez mais importante na qual estamos também a trabalhar com empenho redobrado. No futuro, os dados relativos ao estado do óleo do motor e da caixa de velocidades poderão ser interligados com calendários e coordenados perfeitamente com a data para a respetiva mudança do óleo com base nos períodos de condução e descanso, independentemente de onde o autocarro estiver num dado momento. Para oferecer este tipo de soluções, é necessária a plataforma tecnológica juntamente com uma densa rede de oficinas de serviço competentes às quais o cliente possa aceder facilmente. A ZF Aftermarket pode oferecer tudo isto aos seus parceiros a partir de uma única fonte.

Pergunta: Que potenciais vê para os serviços no mercado dos autocarros?

Dr. Michael Störk: Por um lado, as áreas de foco nos novos países industrializados estão a mudar em resultado das grandes taxas de crescimento. A oferta de serviços em África tem de ser diferente da existente em Hong Kong porque o nível tecnológico dos veículos é muito diferente.

Do ponto de vista técnico, os sistemas de gestão de frotas também se estão a tornar cada vez mais importantes para as frotas de autocarros. O nosso sistema de telemática Openmatics pode ser utilizado em toda a gama de autocarros graças às sua interfaces abertas. Assim, mesmo uma frota composta por veículos diferentes pode utilizar o Openmatics sem qualquer tipo de limitação. Já existem frotas com mais de 4 000 autocarros a utilizar Openmatics: para calendarizar a utilização, reduzir o consumo de combustível e aumentar a segurança.

A “manutenção preventiva” está a tornar-se uma questão cada vez mais importante na qual estamos também a trabalhar com empenho redobrado. No futuro, os dados relativos ao estado do óleo do motor e da caixa de velocidades poderão ser interligados com calendários e coordenados perfeitamente com a data para a respetiva mudança do óleo com base nos períodos de condução e descanso, independentemente de onde o autocarro estiver num dado momento. Para oferecer este tipo de soluções, é necessária a plataforma tecnológica juntamente com uma densa rede de oficinas de serviço competentes às quais o cliente possa aceder facilmente. A ZF Aftermarket pode oferecer tudo isto aos seus parceiros a partir de uma única fonte.

Informações adicionais