A SACHS no mundo inteiro –

Sempre perto de você

Você está aqui:

América Latina Español | Português

Você está aqui:

América Latina Español | Português
worldmap

Descubra todo o portfólio da
ZF Aftermarket

Note

The page you are navigating to is not optimized for mobile devices.
Do you want to proceed?

Proceed

AMÉRICA LATINA

AMÉRICA LATINA

Dica útil da SACHS:
A embreagem não está abrindo.

Causas

Se a embreagem não estiver abrindo, o problema não precisa ser necessariamente a embreagem. Muitas vezes, a falha se encontra no sistema de desengate, no mancal que está emperrado ou em importantes requisitos de instalação que não foram atendidos.

Portanto, verifique:

  • Todos os pontos de uma inspeção profissional foram observados durante a instalação?
  • Sistema de desengate
    • As peças estão desgastadas? Cabo, hidráulica, pontos de junção.
    • O ajuste está correto?

Causas

Se a embreagem não estiver abrindo, o problema não precisa ser necessariamente a embreagem. Muitas vezes, a falha se encontra no sistema de desengate, no mancal que está emperrado ou em importantes requisitos de instalação que não foram atendidos.

Portanto, verifique:

  • Todos os pontos de uma inspeção profissional foram observados durante a instalação?
  • Sistema de desengate
    • As peças estão desgastadas? Cabo, hidráulica, pontos de junção.
    • O ajuste está correto?

O disco de embreagem empenado

Causa:

  • Deformação durante o transporte ou instalação
  • O empenamento de cerca de 0,5 mm foi excedido

Consequência:

  • O recuo definido da placa de pressão não é mais suficiente para assegurar o desengate total

Comentário:

Antes da instalação, sempre checar se os discos de embreagem estão empenados.

O disco de embreagem empenado

Causa:

  • Deformação durante o transporte ou instalação
  • O empenamento de cerca de 0,5 mm foi excedido

Consequência:

  • O recuo definido da placa de pressão não é mais suficiente para assegurar o desengate total

Comentário:

Antes da instalação, sempre checar se os discos de embreagem estão empenados.

Corrosão por atrito no perfil do cubo

Causa:

  • As instruções de lubrificação não foram seguidas durante a instalação

Consequência:

  • O disco de embreagem não desliza livremente no eixo da transmissão e emperra. O revestimento da embreagem ainda tem contato com a superfície de atrito do volante. No estágio inicial é possível perceber uma trepidação.

Comentário:

Sempre utilizar o lubrificante de alto desempenho SACHS nº 4200 080 050.

Corrosão por atrito no perfil do cubo

Causa:

  • As instruções de lubrificação não foram seguidas durante a instalação

Consequência:

  • O disco de embreagem não desliza livremente no eixo da transmissão e emperra. O revestimento da embreagem ainda tem contato com a superfície de atrito do volante. No estágio inicial é possível perceber uma trepidação.

Comentário:

Sempre utilizar o lubrificante de alto desempenho SACHS nº 4200 080 050.

Perfil do cubo danificado

Causa:

  • O eixo da transmissão e o perfil do cubo foram forçados durante a instalação

Consequência:

  • O disco de embreagem emperra e não desliza no eixo da transmissão.

Comentário:

Centralizar o disco de embreagem na instalação utilizando as ferramentas adequadas!

Encaixar o eixo da transmissão com muito cuidado

Perfil do cubo danificado

Causa:

  • O eixo da transmissão e o perfil do cubo foram forçados durante a instalação

Consequência:

  • O disco de embreagem emperra e não desliza no eixo da transmissão.

Comentário:

Centralizar o disco de embreagem na instalação utilizando as ferramentas adequadas!

Encaixar o eixo da transmissão com muito cuidado

Disco de embreagem abaulado

Causa:

  • Na instalação, o eixo da transmissão bateu no cubo do disco de embreagem.
  • Deformação por calor excessivo (azulamento dos componentes de aço).

Consequência:

  • O recuo definido da placa de pressão não é mais suficiente para desengatar a embreagem perfeitamente.

Comentário:

Também causa arraste pelo recuo insuficiente da placa de pressão.

Disco de embreagem abaulado

Causa:

  • Na instalação, o eixo da transmissão bateu no cubo do disco de embreagem.
  • Deformação por calor excessivo (azulamento dos componentes de aço).

Consequência:

  • O recuo definido da placa de pressão não é mais suficiente para desengatar a embreagem perfeitamente.

Comentário:

Também causa arraste pelo recuo insuficiente da placa de pressão.

Molas ou placa com fratura

Causa:

  • O motor ou transmissão foi solto apesar de que o eixo da transmissão ainda estava no cubo do disco de embreagem; quebra causada pelo efeito de alavanca
  • Desvio paralelo ou angular

Consequência:

  • Empenamento excessivo do disco de embreagem.

Molas ou placa com fratura

Causa:

  • O motor ou transmissão foi solto apesar de que o eixo da transmissão ainda estava no cubo do disco de embreagem; quebra causada pelo efeito de alavanca
  • Desvio paralelo ou angular

Consequência:

  • Empenamento excessivo do disco de embreagem.

Perfil do cubo desgastado / formação de rebarba

Causa:

  • Carcaça da embreagem e flange de acoplamento do virabrequim não centralizados; movimento oscilatório devido ao desvio angular ou paralelo
  • O mancal de embreagem está faltando
  • O eixo de entrada da transmissão tem folga excessiva ou não está sendo guiado

Consequência:

  • Cubo emperrado ou torto no eixo de entrada da transmissão

Comentário:

Também pode causar ruídos.

Perfil do cubo desgastado / formação de rebarba

Causa:

  • Carcaça da embreagem e flange de acoplamento do virabrequim não centralizados; movimento oscilatório devido ao desvio angular ou paralelo
  • O mancal de embreagem está faltando
  • O eixo de entrada da transmissão tem folga excessiva ou não está sendo guiado

Consequência:

  • Cubo emperrado ou torto no eixo de entrada da transmissão

Comentário:

Também pode causar ruídos.

Ruptura dos revestimentos

Causa:

  • Dirigir em velocidade de rolagem elevada com uma marcha baixa e pedal da embreagem acionado; o disco de embreagem excede a rotação de ruptura
  • Seleção da marcha errada (muito baixa) ao trocar de uma marcha maior para menor

Consequência:

  • Fragmentos dos revestimentos se prendem no volante ou na carcaça da placa de pressão.

Comentário:

O motor não está envolvido! A velocidade de ruptura dos revestimentos está 1,7 a 2 vezes acima das rotações máximas do motor. Revestimentos superaquecidos se rompem mais cedo.

Ruptura dos revestimentos

Causa:

  • Dirigir em velocidade de rolagem elevada com uma marcha baixa e pedal da embreagem acionado; o disco de embreagem excede a rotação de ruptura
  • Seleção da marcha errada (muito baixa) ao trocar de uma marcha maior para menor

Consequência:

  • Fragmentos dos revestimentos se prendem no volante ou na carcaça da placa de pressão.

Comentário:

O motor não está envolvido! A velocidade de ruptura dos revestimentos está 1,7 a 2 vezes acima das rotações máximas do motor. Revestimentos superaquecidos se rompem mais cedo.

Amortecedor torcional destruído por sobrecarga

Causa:

  • Estilo de dirigir com rotações baixas; condução com marcha alta em baixa velocidade e carga plena.
  • Operação extremamente irregular do motor
  • Articulações do driveline desgastadas

Consequência:

  • Fragmentos são arremessados para fora e ficam presos nos revestimentos.

Amortecedor torcional destruído por sobrecarga

Causa:

  • Estilo de dirigir com rotações baixas; condução com marcha alta em baixa velocidade e carga plena.
  • Operação extremamente irregular do motor
  • Articulações do driveline desgastadas

Consequência:

  • Fragmentos são arremessados para fora e ficam presos nos revestimentos.

Molas de retrocesso deformadas

Causa:

  • Carga de compressão extrema devido a erro na troca de marcha
  • Manobra de reboque inapropriada
  • Erros de operação no dinamômetro de rolo
  • Jogo no driveline
  • Deformação durante a instalação

Consequência:

Recuo insuficiente da placa de pressão.

Molas de retrocesso deformadas

Causa:

  • Carga de compressão extrema devido a erro na troca de marcha
  • Manobra de reboque inapropriada
  • Erros de operação no dinamômetro de rolo
  • Jogo no driveline
  • Deformação durante a instalação

Consequência:

Recuo insuficiente da placa de pressão.

A mola-membrana encosta no amortecedor torcional

Causa:

  • O percurso de desengate permitido é excedido
  • Instalação do disco incorreto

Consequência:

  • A mola-membrana arrasta o disco de embreagem

Comentário:

Também causa ruídos

A mola-membrana encosta no amortecedor torcional

Causa:

  • O percurso de desengate permitido é excedido
  • Instalação do disco incorreto

Consequência:

  • A mola-membrana arrasta o disco de embreagem

Comentário:

Também causa ruídos

Linguetas da mola-membrana

Causa:

  • Tubo guia do mancal de embreagem deformado
  • O motor não está bem centralizado na transmissão

Consequência:

  • O contato excêntrico contínuo do mancal de embreagem nas linguetas da mola-membrana acima da capacidade de autocentragem leva a movimentos relativos e, consequentemente, desgaste, o que também acontece com as alavancas de desengate.

Linguetas da mola-membrana

Causa:

  • Tubo guia do mancal de embreagem deformado
  • O motor não está bem centralizado na transmissão

Consequência:

  • O contato excêntrico contínuo do mancal de embreagem nas linguetas da mola-membrana acima da capacidade de autocentragem leva a movimentos relativos e, consequentemente, desgaste, o que também acontece com as alavancas de desengate.

Placa de pressão fraturada / superaquecimento extremo

Causa:

  • Constante patinação da embreagem
  • Força de pressão insuficiente
  • Problemas com o sistema de desengate como, por exemplo, rigidez ou falta de jogo na embreagem
  • Contaminação com óleo ou graxa
  • Volante com espessura excessiva

Consequência:

  • Recuo insuficiente da placa de pressão.

Placa de pressão fraturada / superaquecimento extremo

Causa:

  • Constante patinação da embreagem
  • Força de pressão insuficiente
  • Problemas com o sistema de desengate como, por exemplo, rigidez ou falta de jogo na embreagem
  • Contaminação com óleo ou graxa
  • Volante com espessura excessiva

Consequência:

  • Recuo insuficiente da placa de pressão.

Tampa deformada

Tampa deformada: (placa de pressão MX – VW, Audi, Seat, Skoda)

Causa:

  • Instalação da placa de pressão incorreta
  • Posicionamento incorreto da tampa / placa de pressão em relação aos pinos do volante

Consequência:

  • A carcaça se deforma a ponto de impedir o recuo suficiente da placa de pressão.

Tampa deformada

Tampa deformada: (placa de pressão MX – VW, Audi, Seat, Skoda)

Causa:

  • Instalação da placa de pressão incorreta
  • Posicionamento incorreto da tampa / placa de pressão em relação aos pinos do volante

Consequência:

  • A carcaça se deforma a ponto de impedir o recuo suficiente da placa de pressão.

Pré-amortecedor completamente destruído

  • Causa:
  • Na instalação, o eixo da transmissão bateu no cubo do disco de embreagem.

Consequência:

  • Danos graves levam à falha total do componente.

Comentário:

Mecanismos multiestágios de amortecimento torcional possuem uma estrutura complexa e quase delicada e requerem muito cuidado na instalação.

Pré-amortecedor completamente destruído

  • Causa:
  • Na instalação, o eixo da transmissão bateu no cubo do disco de embreagem.

Consequência:

  • Danos graves levam à falha total do componente.

Comentário:

Mecanismos multiestágios de amortecimento torcional possuem uma estrutura complexa e quase delicada e requerem muito cuidado na instalação.