Causas da patinação da embreagem


O problema da patinação da embreagem envolve várias áreas. Por exemplo, a embreagem de um veículo pode deslizar somente a alta velocidade. Outros motoristas se queixam que a sua embreagem patina quando o motor está frio, durante a partida, ao engatar ou na posição da primeira marcha. Outros notam que a embreagem patina durante a maior parte do período da aceleração, e ainda outros dizem que a sua embreagem patina depois do ajuste de chip. Os sintomas e as causas da patinação da embreagem são tão variados como os sintomas. Mesmo uma embreagem totalmente nova pode patinar por diversas razões. Além da placa de pressão e do disco da embreagem, muitas vezes as causas da patinação da embreagem podem estar no sistema de desengate. Outras razões incluem um volante retrabalhado inadequadamente ou a instalação da embreagem incorreta.

Em caso de patinação da embreagem, verifique:

  • Desgaste do sistema de desengate, movimento livre, ajuste?
  • Peças corretas para o veículo?
  • Volante corretamente retrabalhado?
  • Contaminação das superfícies de atrito com lubrificante?
  • Deformação das superfícies de atrito no volante e placa de pressão?

Revestimentos desgastados até a cabeça dos rebites


Causa:

  • Desgaste normal devido às condições de uso específicas
  • Partidas frequentes com o veículo/estilo de dirigir incorreto
  • Mecanismo de acionamento da embreagem duro
  • Sistema de acionamento ajustado incorretamente ou reajustado

Consequência:

  • A placa de pressão da embreagem não tem a pressão de compressão total

Revestimentos desgastados até a cabeça dos rebites

Revestimentos desgastados até a cabeça dos rebites Revestimentos desgastados até a cabeça dos rebites

Revestimentos fortemente contaminados com óleo ou graxa


Causa:

  • Junta danificada da transmissão ou motor
  • Excesso de graxa no eixo de entrada da transmissão ou no mancal piloto
  • Vazamento no sistema de acionamento hidráulico
  • Contaminação das superfícies de atrito devido a um manuseio incorreto

Consequência:

  • Patinação da embreagem devido a valores de atrito baixos dos revestimentos

Revestimentos fortemente contaminados com óleo ou graxa

Revestimentos oleosos Revestimentos fortemente contaminados com óleo ou graxa

Revestimento da embreagem queimado ou desintegrado


Causa:

  • Constante patinação da embreagem permitida
  • Partida do veículo com marcha muito alta
  • Pressão de compressão insuficiente
  • Problemas no sistema de desengate – falta de folga na embreagem e consequente rigidez
  • Contaminação com óleo ou graxa
  • Volante com espessura excessiva

Consequência:

  • O superaquecimento destruiu o agente ligante do revestimento

Revestimento da embreagem queimado ou desintegrado

Revestimento sem contato em toda a superfície


Causa:

  • Superfície de atrito severamente marcada (volante não foi reusinado)
  • Superfície de atrito do volante da placa de pressão deformada devido a superaquecimento

Consequência:

  • Redução dos valores de atrito
  • Raio de atrito alterado (alavanca de força efetiva)

Comentário:

Em discos de embreagem novos, inicialmente, o revestimento somente tem contato periférico (maior raio de atrito devido ao contato abaulado mínimo com a superfície de atrito da placa de pressão). Consequentemente, os componentes novos podem transmitir níveis de plena carga, mesmo antes de serem completamente amaciados.

Característica de qualidade! Não é falha!

Revestimento sem contato

Revestimento sem contato em toda a superfície Revestimento sem contato

Placa de pressão da embreagem em superaquecimento


Causa:

  • Constante patinação da embreagem permitida
  • Contaminação com óleo ou graxa
  • Problemas no sistema de desengate – falta de folga na embreagem e consequente rigidez
  • Volante muito grosso (reusinagem incorreta)

Consequência:

A embreagem patina porque a pressão de compressão é muito baixa. Em qualquer caso, a patinação constante da embreagem gerará mais calor do que o que pode ser absorvido. Isso provoca superaquecimento.

Placa de pressão está superaquecida

Placa de pressão da embreagem em superaquecimento Placa de pressão está superaquecida

Desgaste no sistema de acionamento


Causa:

  • Sistema de acionamento desgastado
  • Tubo guia desgastado

Consequência:

O efeito da pressão de compressão é negativamente afetado pelo mancal de desengate da embreagem empenado.

Bucha de guia desgastada

Bucha de guia desgastada Bucha de guia desgastada

Mola de diafragma fraturada


Causa:

  • Pressão excessiva/percurso de recuo extremamente excedido

Consequência:

  • A pressão de compressão da mola de diafragma não corresponde mais aos valores projetados

Comentário:

Também causa arraste devido ao recuo insuficiente da placa de pressão

Mola de diafragma fraturada

Mola de diafragma fraturada Mola de diafragma fraturada

Sulcos de desgaste nos cames guia


Causa:

  • Contato constante ou fora do centro do mancal de embreagem no anel ou alavancas de desengate

Consequência:

  • A força de pressão não é mais eficaz, pois as alavancas de desengate ficam bloqueadas pelos cames guia quando a embreagem está engatada

Sulcos de desgaste nos cames guia

Cames guia com sulcos Sulcos de desgaste nos cames guia