A LEMFÖRDER no mundo inteiro –

Sempre perto de você

Você está aqui:

América Latina Español | Português

Você está aqui:

América Latina Español | Português
worldmap

Descubra todo o portfólio da
ZF Aftermarket

Note

The page you are navigating to is not optimized for mobile devices.
Do you want to proceed?

Proceed

AMÉRICA LATINA

AMÉRICA LATINA

Troca de um tirante da barra estabilizadora partido

reparo + troca na oficina

Qual o som de um tirante da barra estabilizadora partido?

Função dos tirantes da barra estabilizadora, também designados de bielas

Eles transmitem as forças de torção que ocorrem entre a carroceria e o chassis para a barra estabilizadora do eixo específico. Dependendo da concepção do eixo dianteiro ou traseiro, formam a ligação necessária para a interação ideal entre o direcionamento das rodas e a barra estabilizadora. O balanço transversal do veículo ao fazer curvas é minimizado, assegurando uma aderência à estrada segura.

Eles transmitem as forças de torção que ocorrem entre a carroceria e o chassis para a barra estabilizadora do eixo específico. Dependendo da concepção do eixo dianteiro ou traseiro, formam a ligação necessária para a interação ideal entre o direcionamento das rodas e a barra estabilizadora. O balanço transversal do veículo ao fazer curvas é minimizado, assegurando uma aderência à estrada segura.

Tirante da barra estabilizadora defeituoso?

Os sinais

Os seguintes sinais durante a condução podem apontar para um tirante da barra estabilizadora defeituoso:

  • Um matraqueio e um ruído surdo em estradas em mau estado
  • Manuseio pouco preciso do veículo
  • Inclinação exagerada do veículo nas curvas

Se se verificar que o tirante da barra estabilizadora está defeituoso, ele deve ser trocado como descrito abaixo.

Observação: As imagens utilizadas nesta dica prática e o procedimento descrito para troca do tirante da barra estabilizadora em um Mercedes Benz C220 (S204) são ilustrativas, podendo variar em função da montadora do veículo e do modelo de eixo.

Os seguintes sinais durante a condução podem apontar para um tirante da barra estabilizadora defeituoso:

  • Um matraqueio e um ruído surdo em estradas em mau estado
  • Manuseio pouco preciso do veículo
  • Inclinação exagerada do veículo nas curvas

Se se verificar que o tirante da barra estabilizadora está defeituoso, ele deve ser trocado como descrito abaixo.

Observação: As imagens utilizadas nesta dica prática e o procedimento descrito para troca do tirante da barra estabilizadora em um Mercedes Benz C220 (S204) são ilustrativas, podendo variar em função da montadora do veículo e do modelo de eixo.

Como trocar

um tirante da barra estabilizadora partido:

1. Eleve o veículo e desmonte as rodas dianteiras.

Dica: Sempre verifique ambos os tirantes das barras estabilizadoras e troque eles aos pares, se necessário.

2. Pulverize removedor de ferrugem nas porcas de aperto do tirante da barra estabilizadora e deixe atuar durante alguns minutos.

1. Eleve o veículo e desmonte as rodas dianteiras.

Dica: Sempre verifique ambos os tirantes das barras estabilizadoras e troque eles aos pares, se necessário.

2. Pulverize removedor de ferrugem nas porcas de aperto do tirante da barra estabilizadora e deixe atuar durante alguns minutos.

3. Desaperte a porca de aperto inferior do tirante da barra estabilizadora e retire-a.

Dica: Se o pino esférico também começar rodando, imobilize-o com uma ferramenta adequada.

4. Empurre o tirante da barra estabilizadora para fora da barra de torção.

3. Desaperte a porca de aperto inferior do tirante da barra estabilizadora e retire-a.

Dica: Se o pino esférico também começar rodando, imobilize-o com uma ferramenta adequada.

4. Empurre o tirante da barra estabilizadora para fora da barra de torção.

5. Desaperte a porca de aperto superior do tirante da barra estabilizadora no amortecedor e retire-a.

Dica: Se o pino esférico também começar rodando, imobilize-o com uma ferramenta adequada.

5. Desaperte a porca de aperto superior do tirante da barra estabilizadora no amortecedor e retire-a.

Dica: Se o pino esférico também começar rodando, imobilize-o com uma ferramenta adequada.

6. Empurre o tirante da barra estabilizadora no amortecedor para fora do suporte.

6. Empurre o tirante da barra estabilizadora no amortecedor para fora do suporte.

7. Insira o novo tirante da barra estabilizadora no amortecedor.

7. Insira o novo tirante da barra estabilizadora no amortecedor.

8. Aperte o tirante da barra estabilizadora no amortecedor com o torque de aperto especificado pela montadora!

Dica: Imobilize o pino esférico contra rotação com uma ferramenta adequada!

8. Aperte o tirante da barra estabilizadora no amortecedor com o torque de aperto especificado pela montadora!

Dica: Imobilize o pino esférico contra rotação com uma ferramenta adequada!

9. Insira o novo tirante na barra estabilizadora.

10. Aperte o tirante na barra estabilizadora com o torque de aperto especificado pela montadora!

Dica: Imobilize o pino esférico contra rotação com uma ferramenta adequada!

9. Insira o novo tirante na barra estabilizadora.

10. Aperte o tirante na barra estabilizadora com o torque de aperto especificado pela montadora!

Dica: Imobilize o pino esférico contra rotação com uma ferramenta adequada!

11. Volte a montar as rodas dianteiras. Desça o veículo e aperte os parafusos da roda com o torque de aperto especificado pela montadora.

Dica: Embora a troca do tirante da barra estabilizadora não afete diretamente a afinação do chassis, recomendamos que a afinação do eixo seja verificada e reajustada, se necessário, depois de trabalhos na suspensão.

12. Para finalizar, faça um test drive.

11. Volte a montar as rodas dianteiras. Desça o veículo e aperte os parafusos da roda com o torque de aperto especificado pela montadora.

Dica: Embora a troca do tirante da barra estabilizadora não afete diretamente a afinação do chassis, recomendamos que a afinação do eixo seja verificada e reajustada, se necessário, depois de trabalhos na suspensão.

12. Para finalizar, faça um test drive.